Lingua   

Canção tão simples

Adriano Correia de Oliveira
Lingua: Portoghese


Ti può interessare anche...

A batalha de Alcácer-Quibir
(Adriano Correia de Oliveira)
As mãos
(Adriano Correia de Oliveira)
Os vampiros
(José "Zeca" Afonso)


[1967]
Versi del poeta Manuel Alegre, nella raccolta “O Canto e as Armas” pubblicata nel 1967.
Musica di António Portugal
Nel disco intitolato “Gente de aqui e de agora” pubblicato nel 1971

Gente de aqui e de agora
Quem poderá domar os cavalos do vento
quem poderá domar este tropel
do pensamento
à flor da pele?

Quem poderá calar a voz do sino triste
que diz por dentro do que não se diz
a fúria em riste
do meu país?

Quem poderá proibir estas letras de chuva
que gota a gota escrevem nas vidraças
pátria viúva
a dor que passa?

Quem poderá prender os dedos farpas
que dentro da canção fazem das brisas
as armas harpas
que são precisas?

inviata da Bernart Bartleby - 16/10/2014 - 10:41



Pagina principale CCG

Segnalate eventuali errori nei testi o nei commenti a antiwarsongs@gmail.com




hosted by inventati.org