Language   

Canção do camponês

Fernando‎ Lopes-Graça
Language: Portuguese



Adeus trigo, ai, adeus trigo,
depois de ceifado, adeus:
amanho-te e não mastigo,
ai, nem eu, nem eu nem os meus.

O escravo da campina
ouve o motor do trator
Com ele mudas a sina –
da terra és conquistador!

Searas cor de sol posto,
meu mar alto de aflição
enche-o com suor do rosto,
ai, em troca falta-me o pão.

O escravo da campina
ouve o motor do trator
Com ele mudas a sina –
da terra és conquistador!

Ai campos, como os meus olhos,
rasos de água tanta vez:
foram-se espigas nos molhos,
ai, vem fome para o camponês.

O escravo da campina
ouve o motor do trator
Com ele mudas a sina –
da terra és conquistador!


Main Page

Please report any error in lyrics or commentaries to antiwarsongs@gmail.com

Note for non-Italian users: Sorry, though the interface of this website is translated into English, most commentaries and biographies are in Italian and/or in other languages like French, German, Spanish, Russian etc.




hosted by inventati.org